BUCKY, UM ANIME LITERALMENTE EXPLOSIVO!


Salve Galera!
Para quem gosta de ação, explosões e de uma história bem alternativa, este é seu lugar! Hoje vamos falar de um anime que acabou por fazer mais sucesso aqui do que no próprio Japão. Falamos de Bucky! (ou Jibaku-kun, no original japonês).





Origem e mídias.
A história original veio de um mangá escrito por Ami Shibata entre 1997 e 1999. Apesar de um período tão longo, ele teve apenas 6 edições!!! (devia ser tão bom pra quem acompanhava ter apenas duas edições por ano...).
Após a finalização, o anime foi produzido entre 1999 e 2000 e conta com um total de 26 episódios (uma pena que sejam tão poucos).


Ele aqui foi exibido em 3 emissoras:
Band – no saudoso Band Kids.
Rede 21 – em uma época que passavam muitos animes lá.
Tv diário  - quando passou aqui, não cheguei a acompanhar.


Um breve resumo (sem spoiler!)

Bucky foi escolhido para ser a Grande Criança de seu mundo, Primas, por Spark. Ele recebe seu espírito guardião (Jibak) e passa a ser encarregado de cuidar dos “monstros encrenqueiros” que aparecem em seu mundo. Como algo começa a mudar e tudo parece em total desequilíbrio (com um grande número de monstros aparecendo), ele parte em direção a torre pontiaguda (ou mundo 0), tendo de passar por todos outros 11 mundos (sim, igual um relógio, como podem ver na imagem abaixo).



Protagonista “diferente”.

Talvez a característica mais marcante, seja o protagonista folgado e um tanto egocêntrico. Ele chama os amigos de escravos, chama o espírito dele de “esquisito” e ainda diz pra todo mundo que a meta dele é dominar o mundo (talvez se desse muito bem com o Cérebro não?).
Alguém pode pensar “nossa, mas isso é legal?”
E a resposta é: SIM! Esse lado inusitado torna o anime ainda mais interessante.





Peculiaridades

Como vocês poderão ver, apesar de curto, o anime mostra uma quantidade considerável de coisas curiosas (que não direi aqui, afinal a graça é a surpresa), mas talvez nada seja mais bizarro que os espíritos que as Grandes Criançasutilizam.
São bolinhas rosa, com braços e pernas, que quando os esticam (os braços), normalmente explodem.
Fazem jus ao apelido de “esquisito” que o Bucky dá para o seu, mas são (pelo menos pra mim), as coisas mais divertidas do anime, já que eles não só interagem com seus protegidos, como cada um tem uma personalidade única.
Pra finalizar mais essa indicação, deixarei um grande momento dessas bolinhas rosas.



Como não gostar???


Até a próxima semana e divirtam-se!


Sobre o Autor


Luiz Fernando Mutschele
fã de esportes, games, mitologia, ler, escrever e claro... de animes!
Um dos órfãos da extinta Tv Manchete e acredita que Cavaleiros é o melhor anime da história(porque é mesmo u.u) Estarei aqui semanalmente para mostrar desde animes famosos, até aqueles que vocês pensarão: "puxa, preciso assistir". 

Marcadores:

Postar um comentário

[facebook][blogger]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget