FILMES, VOCÊ ASSISTE OU VOCÊ CRITICA?

embro-me da minha infância quando passava a tarde assistindo filmes que passavam na Globo. Naquela época ainda não tínhamos grana pra comprar um vídeo cassete, pra você que é um pouco mais jovem e não sabe o que é isso. Vídeo cassete era um caixa bem grande que você colocava fitas geralmente alugadas nas extintas "locadoras" lá você achava desde filmes, até jogos de mega Drive, Super Nintendo entre outros, em resumo o vídeo cassete mais conhecido como VHS era um aparelho de DVD. Porém ao invés de colocar CD, você colocava fitas do tamanho de capas de

Lembro-me da minha infância quando passava a tarde assistindo filmes que passavam na Globo.
Naquela época ainda não tínhamos grana pra comprar um vídeo cassete, pra você que é um pouco mais jovem e não sabe o que é isso.
Vídeo cassete era um caixa bem grande que

você colocava fitas geralmente alugadas nas extintas "locadoras" lá você achava desde filmes, até jogos de mega Drive, Super Nintendo entre outros, em resumo o vídeo cassete mais conhecido como VHS era um aparelho de DVD.
Porém ao invés de colocar CD, você colocava fitas do tamanho de capas de DVDS só que um pouco mais grossas.
Bom naquele tempo existia uma grande variedade de filmes, muita coisa já tinha sido e estava sendo criada no mundo cinematográfico.
Reboots ou coisas do tipo era raridades, então as produções hollywoodianas tinham que fritar os miolos para criar coisas novas.
E geralmente eles faziam isso muito bem, claro que não existiam superproduções com efeitos super fodas igual hoje em dia, porém a simplicidade dos filmes conseguia prender nossa atenção, os atores em sua grande maioria eram muito bons, Nicholas Cage, o ator que recusou o papel de Super Homem (é isso mesmo, Nicholas Cage poderia ter sido o Homem de Aço, quem diria não), pra mim era um dos grandes atores daqueles tempos.
Na verdade ele era até considerado um Galã hahaha, assim como Mel Gybson que destruía nas telonas, tanto em filmes de ação com a bala comendo solta, como em filmes de comédia como em MAVERICK ( filme muito bom aliás, pesquisem crianças).
O fato é, naquele tempo assistíamos filmes para nos ENTRETERMOS, se assistíamos um filme de comédia era para dar risada, filmes de terror? Era pra sentir o frio na barriga.
Os de ação eram pra sentir aquele baque que te deixa até extasiado depois que o filme termina. Nos assistíamos para sentir algo, sentir alguma coisa que o diretor queria passar.
Mas infelizmente os tempos mudaram né amiguinhos? Eu sempre uso esse contraste de PRESENTE X PASSADO, e talvez isso acabe sendo algo chato, mas pro azar de vocês eu realmente sou uma pessoa chata e eu não ligo nem um pouco para o que vocês pensam! Só sei que hoje em dia existem muitos "Críticos de cinema" sem nem ao menos saberem naaaada sobre cinema, são esses os mesmos que parecem que entram na sala de cinema com um caderninho na mão, na verdade acho que é no celular mesmo, e ficam procurando "defeitos" nos filmes para anotar e depois soltar em alguma rede social como se realmente soubessem de algo, e o pior, geralmente sempre são argumentos sem fundamentos haha e nem pense em contraria-los.
Vai ser apenas dor de cabeça e tempo perdido.
Acho que parte da culpa também fica com os produtores que tentam a todo custo sempre fazer algo suuuper foda, claro que deve ser entregue um filme de qualidade, mas onde estão os filmes que são bons sem muita frescura?
Ao assistir Forrest Gump, pude perceber que antigamente se fazia muito com pouco, e hoje em dia pouco com muito, os filmes naquele tempo mesmo sem efeitos especiais ainda possuíam mais magia que os de hoje.

A vida é sempre uma ironia mesmo.


Sobre o autor
Elvis matos
Elvis, odeia toda raça humana,
vive enchendo a cara fazendo
seus amigos passarem vergonha
em publico, nas horas vagas implica com o Rodrigo.


Marcadores:

Postar um comentário

[facebook][blogger]

MKRdezign

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget